Ação do Novembro Azul oferece exames gratuitos em presídios

150 0

Em parceria com laboratório, testes ocorreram nas unidades de Pirajuí, sede da Coordenadoria e CR de Avaré

Marcus Liborio – CR

Servidores que atuam nas três unidades prisionais de Pirajuí, sede administrativa da Coordenadoria da Região Noroeste (CRN) e no Centro de Ressocialização (CR) “Dr. Mauro de Macedo” de Avaré foram submetidos ao exame de sangue PSA, que pode indicar um aumento da próstata causada por uma lesão maligna (como o câncer de próstata) ou benigna. O procedimento foi oferecido de forma gratuita, após parceria firmada com laboratório de Bauru.
A ação faz parte do Novembro Azul, mês dedicado à saúde do homem. Os estabelecimentos penais divulgaram a iniciativa com antecedência e a participação no mutirão, entretanto, ficou à critério de cada servidor. Cerca de 70 funcionários fizeram os testes e o resultado deve sair nos próximos dias. Conforme o diagnóstico, o paciente será orientado a procurar atendimento médico.

PARCERIA

A iniciativa conta com uma parceria entre o Centro de Qualidade de Vida e Saúde do Servidor (CQVidass) da CRN, Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa), Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) e CDA Medicina Diagnóstica de Bauru. A ação teve apoio, ainda, do Núcleo de Atendimento à Saúde das unidades prisionais.
Além do CR de Avaré e da sede administrativa da Coordenadoria, os exames também foram disponibilizados para funcionários das três penitenciárias instaladas em Pirajuí: “Dr. Walter Faria Pereira de Queiróz” (a PI), “Luiz Gonzaga Vieira” (a PII) e a Feminina “Sandra Aparecida Lario Vianna”.

PREVENÇÃO

Diretor do CQVidass, Nilson Dantas destaca a importância de ações preventivas para auxiliar no diagnostico precoce de doenças. “Sensibilizar os funcionários é uma tarefa contínua da Cipa, ainda mais quando se fala em prevenir qualquer tipo de câncer”, orienta.
“A campanha, inclusive, busca incentivar o público masculino a se cuidar mais, pois a maioria dos homens é resistente em procurar atendimento médico, uma vez que o exame para detectar o câncer de próstata é cercado de preconceitos”, finaliza Dantas.

Veja Também


Net @ - sites para internet