Presos enviam cartas para os filhos no Dia das Crianças

63 0

Atividade realizada no Centro de Ressocialização de Avaré envolveu 60 reeducandos

Marcus Liborio – CRN

O Centro de Ressocialização (CR) “Dr. Mauro de Macedo” de Avaré promoveu uma ação especial para o Dia das Crianças. Pensando na ressocialização e no fortalecimento de laços familiares, a direção da unidade prisional criou um projeto para que os presos pudessem enviar cartas aos filhos especialmente em celebração à data.
Os cartões contêm desenhos e mensagens carinhosas, como o escrito por um dos 60 detentos que participaram da ação. “Tenho quatro filhos e consegui expressar palavras de amor, mostrando o quanto eles são importantes para mim e que me lembro deles todos os dias. Ainda não tive retorno, mas sei que ficarão felizes”, contou.
Diretor do Centro de Ressocialização, Luiz Gusthavo Melchior explica que a unidade forneceu os materiais e insumos e os reeducandos custearam o envio das cartas pelos Correios. “A suspensão das visitas presenciais por conta da pandemia trouxe a oportunidade de executar o projeto”, detalha.
Melchior destaca que a iniciativa busca amenizar o distanciamento social. “As cartas são muitas vezes a única forma de comunicação entre internos e seus familiares. A interação com a família é essencial para reabilitação de quem está privado de liberdade. O projeto visa justamente garantir os laços familiares e sociais”, frisa.

PERSONALIZADA

Outro reeducando envolvido no projeto conta que enviou uma carta personalizada ao filho de cinco anos. “Ele gosta muito de Fusca, então desenhei um Fusca azul com as iniciais do meu nome. Foi uma mensagem para mostrar o quanto eu o amo e que não o esqueci. Já recebi a resposta e ele ficou muito feliz”, comemora.

Veja Também


Net @ - sites para internet