Polícia Civil investiga atropelamento com morte na vicinal Avaré/Itatinga

775 0

Fonte:BLOG DO NENÊ (http://jtheodorodasilva.wix.com/)

A equipe do 2º Distrito Policial de Avaré está as voltas com um caso de atropelamento seguido de morte ocorrido logo nas primeiras horas de sexta-feira, 15, na estrada vicinal Avaré/Itatinga. Inicialmente a vítima fatal não foi identificada pelos policiais que atenderam ao chamado, e o primeiro boletim de ocorrência (BO) foi lavrado com “vítima a identificar”.
O corpo foi localizado por motoristas que passavam pela estrada por volta das 6h40 da manhã. Tratava-se de um homem aparentemente vítima de atropelamento, difícil de ser identificado pelo fato do rosto estar completamente desfigurado, além de inúmeras fraturas expostas dando a impressão de que corpo pode ter sido atropelado por mais de um veículo.
Os peritos que estiveram no local, aproximadamente no quilômetro 5 da vicinal, apreenderam uma mochila com alguns pertences da vítima, como celular e relógios, ambos completamente destruídos, e ainda maços de cigarro e um par de botinas sem uso.

IDENTIFICAÇÃO
Quando a equipe plantonista encerrava a elaboração do BO, por volta das 11h da manhã, uma pessoa esteve no Plantão pedindo informações sobre o atropelamento dizendo que o fato teria ocorrido nas proximidades de onde morava um cunhado. Diante da descrição dada, a polícia solicitou que familiares fossem ao IML para fazer a identificação da vítima.
Tratava-se do garçom José Hailton Corrêa da Silva, de 51 anos de idade, que atualmente residia no Sítio do Joaquim Godoy, com acesso pela vicinal Avaré/Itatinga. O caso agora está em investigação por parte da equipe do 2º DP, já que até a tarde desta segunda-feira (18) não havia pistas sobre o veículo atropelante e seu motorista.

Veja Também

%d blogueiros gostam disto:

Net @ - sites para internet